A escolha

a escolha trilogia selecao resenha
Autor:  Kiera Cass
Título Original: The One
Editora: Editora Seguinte
Nota: 5

Se você não leu A seleção e A Elite essa resenha conterá spoilers

Sinopse:

A Seleção mudou a vida de trinta e cinco meninas para sempre. E agora, chegou a hora de uma ser escolhida. America nunca sonhou que iria encontrar-se em qualquer lugar perto da coroa ou do coração do Príncipe Maxon. Mas à medida que a competição se aproxima de seu final e as ameaças de fora das paredes do palácio se tornam mais perigosas, América percebe o quanto ela tem a perder e quanto ela terá que lutar para o futuro que ela quer. Desde a primeira página da seleção, este best-seller #1 do New York Times capturou os corações dos leitores e os levou em uma viagem cativante … Agora, em A Escolha, Kiera Cass oferece uma conclusão satisfatória e inesquecível, que vai manter os leitores suspirando sobre este eletrizante conto de fadas muito depois da última página é virada.

Notas

oregulho e preconceito

Resenha: Se a trilogia divergente me causou uma ressacada literária horrível por ter terminado de uma forma ruim, Kiera Cass trouxe de volta toda a minha sede por livros e um sorriso que durou por dias. Quero começar essa resenha dizendo : Obrigada Kiera por me dar um final digno!

Quando A escolha foi lançado eu tive muito medo de ler, mas a curiosidade não me manteve longe por muito tempo, no mesmo dia do lançamento peguei o ebook para ler. Li em um único dia o livro inteiro, mais especificamente em umas 5 horas. Não consegui largar o livro enquanto não terminei, fui direto na leitura, parando só para comer! Kiera pegou a minha atenção a cada cena, foram surpresa, foram lágrimas e sorrisos.

Em A escolha, nos deparamos com uma America dividida entre seu amor de adolescência Aspen e seu novo amor Maxon, esse foi o cenário que deixamos em A elite e continua dentro de A Escolha. Nossa amada gata borralheira deve tomar uma decisão, enfrentar o Rei ou se dobrar a suas vontades para conquistar o lugar como princesa e o coração de Maxon ou lutar por seus ideais ao lado do guarda Aspen.

Nesse volume as questões políticas de relações de realeza, as catas e os rebeldes fica mais clara e a história é muitissímo bem fechada nesse sentido, não senti deficiência em nenhum explicação no aspecto político do livro, as lacunas deixadas nos outros livros foram explicadas e as considerei bem fundamentadas. Confesso que Kiera poderia desenvolver bem melhor a questão política, mas não fiquei decepcionada porque o foco da trilogia nunca foi explorar ao máximo o tema distópico, os livros são romance com um toque de distopia, então eu posso conviver com o que Kiera escreveu nesse aspecto.

Não posso falar muito da evolução dos personagens porque se não vou entregar spoiler, o que eu posso dizer é que houveram 2 personagens que mudaram muito e eu não curti nem um pouco, gostava mais quando eles tinham um caráter bem definido e não mudavam da noite pro dia, sabe? Acho que essas duas mudanças foram desnecessárias.

Eu só achei o livro curto, para um livro tão esperado poderia ser maior e talvez ter um quarto livro. Resumindo: Leiam! A trilogia inteira é sem arrependimentos <3

Onde Comprar
Submarino
Livraria Cultura
selo melhor preço2

Livraria Saraiva

Americanas

0 thoughts on “A escolha

  1. quais personagens você achou que mudou?
    amei o livro já li e reli 3 vezes, mas o final o grande casamento achei que foi muito apressado e você?

    1. É também achei que foi apressado. Eu acho que a America e o Aspen mudaram bastante durante a trilogia, eu fiquei meio ressentida com o aconteceu com eles hahaha. Em A herdeira o Aspen reaparece com outra companheira e foi estranho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *